A PRESSÃO ESTÉTICA DA MULHER MADURA E O MERCADO DE TRABALHO

FATOR CULTURAL DA BELEZA E JUVENTUDE NO MERCADO DE TRABALHO As mulheres se sentem pressionadas por causa da cultura...

Angela Designer - 28 de maio de 2022




FATOR CULTURAL DA BELEZA E JUVENTUDE NO MERCADO DE TRABALHO

As mulheres se sentem pressionadas por causa da cultura da beleza e juventude, e a realidade do Brasil, é que elas não podem se dar ao luxo de esperar estarem prontas para voltar ao mercado.

Muitas mulheres maduras não têm conseguido se reintegrar ao mercado de trabalho devido às barreiras de ordem cultural e estrutural. A mentalidade de que a idade avançada impede a mulher de exercer qualquer atividade produtiva ainda é um dos principais obstáculos. Além disso, é comum as empresas exigirem que os candidatos tenham uma idade inferior a anos.

 

Uma pesquisa “Envelhecimento nas Organizações e a Gestão da Idade”, realizada pela FGV com a Aging Free Fair, mostrou que, para ambos os sexos, a visão dos gestores também é barreira para a manutenção da carreira.

Os resultados revelaram que os líderes percebem os seniores como carentes de criatividade e incapazes de se adaptar às novas tecnologias.  “É um grande equívoco. Criatividade é algo que se alimenta a vida toda. Um maduro pode ser extremamente criativo, ágil e digital”, ressalta a gestora.

As percepções positivas são associadas, sobretudo, a fidelidade à empresa, comprometimento no trabalho e maior equilíbrio emocional. Isso ao comparar com os mais jovens. Mas “as visões negativas ainda parecem ter maior valor, o que acaba refletindo na falta de práticas organizacionais”, lamenta a professora da FGV-EAESP.

 

 

 

ATUALIZAÇÃO TECNOLÓGICA É IMPRESCINDÍVEL

Outra barreira, é a desatualização tecnológica, que muitas de nós, apesar de estarmos inseridas no mercado de trabalho, nem percebemos que o mundo mudou, e se transformou, na mesma velocidade que envelhecemos. Confesso que nem percebi, que a idade chegou… Somente durante a Pandemia, foi que me dei conta que o tempo havia passado, e que iria precisar me atualizar, e ter outra fonte de renda além do Design de Interiores e Home Stager. 

Apesar de tudo, muitas de nós, aproveitou  o tempo para aprender, se atualizar, e pesquisar, o que poderíamos fazer. Outras, precisaram vender carros, casa, para viver sem saber o que viria depois. Apesar de estarmos conectadas nas redes sociais.

Eu já tinha me dado conta que o processo de envelhecimento é muito subjetivo, onde cada um encara essa fase inerente à mortalidade de maneiras diferentes. Optei há anos, por não olhar para trás, para esses anos que se passaram num sopro e resolvi abraçar a vida com mais vontade, e me jogar em novas possibilidades e aprendizado.  Com essa atitude, dei um passo significativo para não ficar presa na idealização de quem eu já fui, e como o universo conspira ao nosso favor… Conheci pessoas maravilhosas, que me deram um norte, e cá estou, para ajudar aquelas que ainda estão perdidas…

 

 

 

EMPRESAS QUE CONTRATAM MULHERES MADURAS

Apesar dos desafios, a mulher madura tem se tornado uma forte concorrente no mercado de trabalho. Empresas como a Natura, por exemplo, têm apostado na força de trabalho dessa categoria da população. Segundo relatório de sustentabilidade da empresa, em as mulheres com mais de anos representavam 36, do quadro de funcionários.

Além disso, a Natura investe na qualificação das mulheres maduras através do seu programa de capacitação gratuito. Com esse programa, a empresa tem conseguido elevar a produtividade e a qualidade do trabalho dessa faixa da população.

 

 

 

INSTITUIÇÕES PUBLICAS QUE POSSUEM PROGRAMAS DE INCLUSÃO

Pesquisem se o Sebrae  possui um programa de inclusão da mulher madura  no mercado de trabalho.

Nas prefeituras, e Estados,  politicas publicas estão nascendo para atender as mulheres maduras, pois somos a maioria no Brasil, e há necessidade de inserir -nos no mercado de trabalho, com capacitação e educação.

Estou aqui, para aprender, trocar ideias, e poder ajudar com dicas de beleza e bem estar, além de compartilhar ideias que irão surgindo do que podemos fazer e contribuir para este mundo em transição. Mas por outro lado, quem pode levantar amanhã, e dar um grito:

YUPIIIIIIIII ESTOU VIVA!!! E agradecer a D-us, por nos ter conservado em vida até hoje?

Um abraço e até outro dia!

Sou Angela Nespoli

Designer de Interiores e Home Stager